Seu recado!
Buscar por data
julho 2020
D S T Q Q S S
« jul    
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  
Arquivo BPN




colegio opcaoPublicidade

TULIÇA: A prova jamais foi irrefutável e a “tuliça” caiu

A cidade de Conquista tomou conhecimento de duas ações na Justiça Eleitoral promovidas pela coligação derrotada nas eleições de

Paulo Nunes é advogado e jornalista

Paulo Nunes é advogado e jornalista

2012. Esta afirmara ter provas contundentes, irrefutáveis e robustas. Enfim, os adjetivos mais elementares para o exagero foram usados através do Programa “Resenha Geral”, numa Rádio da cidade, onde o candidato derrotado mantém a direção e de lá faz sua propaganda política.

Entretanto, tudo era apenas uma brincadeira com o povo da cidade. A coligação não tinha nada, ou ingenuamente acreditou que a JUSTIÇA é composta de bobos. Falando ao vento o derrotado quis incutir, na cabeça das pessoas mais simples sob o ponto de vista intelectual, de que os mais de 21 mil votos de diferença que a coligação vitoriosa obteve, teriam sido comprados.
Em matéria anterior, o Blog do Paulo Nunes mostrou, com exclusividade, que uma das provas consideradas irrefutáveis pelo candidato derrotado (a qual consiste num vídeo, onde supostamente havia partidários do vencedor utilizando um ônibus escolar do FNDE – Fundo Nacional para o Desenvolvimento da Educação – num comício da cidade) era, um veículo que sequer pertencia ao município de Vitória da Conquista. Veja: http://www.blogdopaulonunes.com/v3/2014/03/12/tulica-a-midia-apontada-no-texto-abaixo-e-engenharia-de-tolo-e/
Como o apresentador falava quase que diariamente em sua rádio, das imagens que estariam no processo, (apesar de ter um blog onde poderia mostrar a prova, caso essa fosse robusta mesmo), nosso blog mostrou, e derrubou o argumento chulo.
A tal prova não serve nem para lixo. Agora mostramos os quatro depoimentos das pessoas arroladas no processo, como possíveis testemunhas da famigerada compra de votos. Preparem-se para sorrir, pois os depoimentos são hilariantes: ANELITA SOUZA DUARTE:

Update Required
To play the media you will need to either update your browser to a recent version or update your Flash plugin.
“Tava fazendo boca de urna, as pessoas estavam com aqueles papel; eles tomavam e dava outros”. Induzida pelo entrevistador ela acrescenta: “prometia açude, água”; LEIA SOUZA DUARTE:
Update Required
To play the media you will need to either update your browser to a recent version or update your Flash plugin.
“a urna abriu 5 horas, o Correio chegou 7 horas, piscava o oi, as pessoas ia votar pra Hérzem e ai votaram pra Guilherme. Um cara negociou, deu 300 reais, Roberto comprou e Alcione negociou. A gente percebia que até os policiais tava comprado por eles. A agente de saúde Eliene, disse que se as pessoas votassem pra Hérzem, ela ia antecipar e botar pra Guilherme”; NEUZA DA CRUZ QUEIROZ:
Update Required
To play the media you will need to either update your browser to a recent version or update your Flash plugin.
“Antes do Correio chegar eles abriram as urnas, a gente dava os papelzinho de Hérzem Gusmão, eles tomavam e davam o 13, até minha sobrinha falava ói o 13, induzindo o povo. Foi uma renca, tava tudo comprando voto. Abriu a urna e o policial falou: Eh! Guilherme ganhou”; VALTERIS SILVA OLIVEIRA:
Update Required
To play the media you will need to either update your browser to a recent version or update your Flash plugin.
“Lá na política o PT mandaram o pessoal invadir os terreno, arrumaram um terreno pra mim, pra mim votar no PT. Fico indignado com essas coisas que acontece. Os terrenos ficam no “Recanto das Águas”, Rua L. Me ofereceram, só que, quando eu cheguei, não tinha mais terreno pra mim”.

Percebe-se, na escuta dessas gravações exclusivas do blogdopaulonunes, que as pessoas são induzidas de forma amadora, para que o objetivo de quem entrevista, seja alcançado. Todavia, a precariedade dos depoimentos é tamanha que também essas tais provas tidas como robustas não conseguem sequer se aproximar da fraqueza. Uma tolice, fruto de irresponsáveis que gastam o tempo dos empregados da Justiça, causam prejuízo ao erário do Brasil. Nossa reportagem coloca essa matéria para esclarecer a população, principalmente porque, entendemos que o processo será indeferido pela JUSTIÇA, pois não há prova alguma, e o candidato derrotado evidentemente usará o microfone de sua rádio para dizer que foi injustiçado pela JUSTIÇA. Como o povo, não terá acesso às “provas”, algumas pessoas poderão acreditar na falácia. Quando, na verdade, trata-se de uma pequena mentira que os derrotados querem transformar em verdade, pois, se estas tais provas fossem importantes, por certo a população tomaria conhecimento através do programa de grande audiência apresentado pelo candidato; se esconde é porque nada é verdade. Enfim, você pode ouvir e tirar sua conclusão, nós apenas comentamos e informamos. O julgamento é seu.

11 respostas para “TULIÇA: A prova jamais foi irrefutável e a “tuliça” caiu”

  • PAULO QUEM ANDA COM VERDADE NUNCA ANDARÁ EM TREVAS, A MENTIRA SÓ PREVALECE ENQUANTO A VERDADE NÃO CHEGA, NÃO ADIANTA QUERER GANHAR NO TAPETÃO, A FRENTE DO PT CONTRA O PMDB FOI QUASE A POPULAÇÃO DE BARRA DO CHOÇA QUASE 21,000 VOTOS, VOCE PODE OBSERVAR QUE O PMDB NÃO FEZ NENHUM VEREADOR, É UM SINAL QUE O POVO NÃO ACREDITOU NAS PROMESSAS DE CAMPANHA DO PMDB COM SEU CANDIDATO HERZEM GUSMÃO, OLHA QUE O CANDIDATO TEM UM MICLOFONE NAS MÃOS O ANO TODO FAZENDO COMICIO A SEU FAVOR, NÃO SÓ O CANDIDATO COMO SEUS ALIADOS DA RADIO, MAS NADA DISSO ADIANTOU, POIS O POVO NÃO ESTÁ MAIS ACREDITANDO EM NENHUM COMENTARIO DELE NOS MICROFONES DAQUELA EMISSORA, CADA DIA ELE PERDE MAIS A CREDIBIDADE NOS SEUS PRONUNCIAMENTOS. PAULO SÓ DIGO UMA COISA NINGUEM É LIDER POR ACÁSO.TEM UM DITADO QUE DIZ,QUEM CONVERSA MUITO DA BOM DIA A CAVALO.AS VEZES AS PESSOAS SE EMPOLGA E ACABA SE PERDENDO NAS NOTICIAS.

  • Marcelo Flores disse:

    Bom dia Paulo,

    Uma piada completamente sem graça.
    Vejam; Um programa “Palanque Geral” uma campanha diariamente, que não sai do palanque e prega uma cidade derrota que não conheço.
    Como amante da cidade que moro e empreendedor, pois sou empresário, vejo uma cidade linda e quando chego, todo dia uma novidade positiva.
    Intervenção no transito, no antigo DNER, entrei e fiquei maravilhado com o que vi, no viaduto do clube social uma praça linda.
    Realmente não consigo compreender o que tenta o amigo Herzem e mais acho que ele é um grande comunicador, mas não vejo nenhum adjetivo de qualificação como político pois não tenho coragem de entregar a minha cidade a quem fala de acordo com o dinheiro que recebe.

  • Carlos Costa disse:

    As “tuliças” que as testemunhas do Boca falaram é um caso hilariante. Não sei como os advogados do Boca arrolaram essas pessoas. Os depoimentos das mesmas são um verdadeiro tiro no pé do Boca, pois, o que fica comprovado é que ambas faziam boca de urna para o candidato derrotado. Ninguém, por mais leigo que seja, pode achar que esses depoimentos são capazes de cassar o mandato do prefeito de Conquista. No resto, são verdadeiras tuliças.

  • Realmente o candidato a Deputado Estadual Herzem Gusmão, faz comício todos os dias usando uma concessão Publica sempre a seu favor, e com muito ódio da situação vem todos os dias tentando desconstruir os avanços de nossa cidade. Portanto só cego que não vê o crescimento e desenvolvimento que conquista avança a cada momento. Pois esse radialista fica atrás de noticia Ruim para gloriar em seus programas, é igual URUBU que fica atrás de carniça, ao passo que cada comentário que faz está perdendo sua credibilidade. Eu não voto em pessoas que só critica a evolução de nossa cidade, e não tem projeto. O Candidato dele a Governo Gedel vieira lima quando Ministro da Integração nunca olhou para a nossa cidade, e hoje ainda acha pessoas como o radialista para poder levantar a bandeira desse candidato, olha que nós passamos um sufoco muito grande com falta de Agua, se ele tivesse olhado para a nossa cidade quando Ministro nada disso teria acontecido. e agora quer ganhar voto aqui sem ter oferecido nada em troca.

  • Jose Renato disse:

    Já falei, é só contratar o advogado do Fluminense espacialista em virada de mesa

  • Carlos Alberto Gonçalves disse:

    Essa “tuliça” causa urticária em Paulo Nunes. Por acaso você é o juiz da causa ? ah, é o advogado de defesa de Lelinho. Diferencie, pelo menos sua atividade jornalística da advocacia meu caro. Misturar as duas é muito feio. O advogado é parcial por natureza, mas o jornalista? jornalista parcial é VERGONHOSO! E eu creio que você entrará para a história como o jornalista que muda de discurso a depender dos interesses e jogo. Neste caso, por puro ódio do radialista que controla a Rádio Clube. É briga antiga, mas não justifica. Já te disse, ódio causa câncer…

  • Paulo Nunes disse:

    Jamais serei conhecido como você diz, meu interesse é e sempre será a verdade, seu pupilo falou em prova irrefutável, jamais foi, falou que a juíza tinha prometido julgar atá 6 de maio, jamais houve isso, o que causa vergonha é gente como você que defende inverdades, mostrei, que não há nenhuma prova que possa cassar o mandato do prefeito de Conquista, e aqui não tem nada a ver com o advogado Paulo Nunes, mas sim com um cidadão honrado, direito, responsável, detentor de opinião e de coragem, jamais se esconde em opinar, exatamente p contrário de você. Você deveria ter vergonha de apoiar as tais provas apresentadas nesses áudios, o tal do vídeo do ônibus, pra, não precisa ser advogado para perceber a baboseira.Parcial é que quer transformar fatos. Portanto mais uma vez informo. NÃO HAVERÁ CASSAÇÃO ALGUMA BASEADO NESSAS TAIS PROVAS BESTIAIS SOB O PONTO DE VISTA DO DIREITO.

  • Welliton disse:

    Tanto o jornalista como o advogado podem ser parciais, o que não se pode é ser desonesto. Não há problema algum em Paulo Nunes ser parcial, na campanha para prefeito sabíamos que ele não simpatizava com o sr Herzem, porem ele o tratou cordialmente mesmo não concordando com suas ideais, isto é honestidade. Gosto de visitar este blog, mesmo não concordando com algumas ideias de Paulo Nunes, mas ele é honesto o bastante para expor o contraditório.

  • Paulo Nunes disse:

    Prezado.
    Honestidade uma obrigação, mas o que sou e faço questão de ser é leal, trato meus adversários de maneira aberta e transparente. Outra coisa, não se trata de simpatia em relação a Hérzem é que como eleitor, entendo que ele ainda não reúne as condições políticas para governar Conquista, claro que um dia poderá reunir, não sou contra sua eleição para deputado estadual e disse isso ao seu adversário Guilherme Menezes, apenas a Prefeitura de Conquista é uma situação mais complicada, falta ao Hérzem, grupo, estudo dos problemas e das possíveis soluções, equipe de trabalho, entendimento de gestão pública, fatores necessários para gerenciar problemas. A administração, vai muito além de um microfone de rádio. Os homens que passaram pela Prefeitura de 60 pra cá, no mínimo leram os clássicos da literatura mundial e qualquer postulante ao cargo de prefeito, tem essa obrigação mínima. O tempo existe para as pessoas utilizarem-no, aprender é fundamental.

  • Paulo disse:

    E como anda o processo de herzem ??? Ele ainda pode ser cassado ou o processo ja terminou????

  • ISRAEL PEREIRA ANDRADE disse:

    TULIÇAS,TULIÇAS TULIÇAS.Quem será o tolo de verdade

Vídeos
Recomende o Blog
Apoio
Arquivos
Image and video hosting by TinyPic