Bolsonaro envia dinheiro para ONGs de fachada e uma envolvida com maconha, diz revista


Crédito: Arquivo / Agência Brasil

Uma das organizações funciona em prédio que vende artigos de maconha (Crédito: Arquivo / Agência Brasil)

O governo Bolsonaro foi apontado em um novo esquema de corrupção ligado a ONGs de fachada. Ao todo, nove entidades sem fins lucrativos que não existem teriam sido beneficiadas com R$ 17 milhões dos cofres públicos.

De acordo com a denúncia, feita pela Revista Crusoé, uma das organizações funciona em prédio que vende artigos de maconha. O esquema, facilitado por emendas parlamentares, teria o objetivo de beneficiar aliados e até mesmo funcionários estrategicamente alocados.