Jiboia ‘gigante’ é avistada em Aramari


Uma cobra jiboia (Boa constrictor), medindo 3 metros, foi avistada no dia 27 de julho pela equipe da empresa Jema, prestadora de serviços florestais à Bracell BA, próxima a uma área de alto valor de conservação no Projeto Nascente, em Aramari. Esta talvez seja uma das maiores jiboias já avistadas no litoral da Bahia. O maior registro anterior é de um espécime medindo 2,80m, encontrado em Salvador. “Este é um indicador da qualidade de preservação do ambiente, considerando o tamanho do animal e de sua presa”, explica o biólogo Igor Macedo, especialista em Meio Ambiente da Bracell

A cobra foi encontrada em repouso, aparentemente após ter se alimentado de um veado ou outro animal de porte similar. O registro foi feito pelo colaborador Alesandro Moita sem qualquer interferência direta. Ou seja, sem mexer com a cobra. “O animal gasta muita energia para caçar e engolir. A digestão pode durar uma semana ou mais a depender da presa. Se alguém tocasse na cobra, ela iria regurgitar e tentar fugir”, explica Igor.

Segundo ele, “a jiboia se enquadra no topo da cadeia alimentar. Os principais predadores destas cobras são as aves de rapina, mas, no caso de uma cobra deste porte, os predadores seriam animais como as onças pardas, por exemplo, bastante raras na região”, acrescenta. Para assegurar a integridade do animal, evitando a aproximação de estranhos, os agentes de Segurança Patrimonial estão fazendo vigilâncias adicionais na região.

Curiosidades sobre as jibóias

Não são venenosas; Considerados animais pacíficos, não atacam serem humanos; São carnívoras; Caçam por constrição, ou seja, enrolam-se nela e interrompem a circulação sanguínea; É ovípara (se reproduz por ovos). Sua gestação leva de 127 a 249 dias;

Produz de 8 a 50 filhotes por ninhada; Tem ossos móveis no crânio que a possibilitam engolir grandes presas; Podem pesar até 45 kg e engolir, de uma vez, animais de até 35 kg; Vivem aproximadamente 20 anos.

Sobre a Bracell

A Bracell é uma das empresas que fazem parte do grupo Royal Golden Eagle (RGE) e uma das maiores produtoras mundiais de celulose solúvel e celulose especial no mundo, com duas operações principais no Brasil – em Camaçari, na Bahia, e em Lençóis Paulista, em São Paulo. As atividades e modelos de gestão adotados pela companhia estão totalmente comprometidos com o uso sustentável dos recursos naturais, com o objetivo de criar valor para a Comunidade, o País, o Clima, o Cliente e a Empresa, de forma permanente.

Em 2021, quando a expansão na unidade de Lençóis Paulista, conhecida como Projeto Star, for concluída, a Bracell terá capacidade de produção anual de aproximadamente 2,0 milhões de toneladas de celulose e empregará aproximadamente 10.000 funcionários diretos e terceirizados. Além de suas operações na fábrica no Brasil, a Bracell possui um escritório de administração em Singapura e escritórios de vendas na Ásia, Europa e Estados Unidos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *