Para refletir! a última volta


Bolsonaro tá desesperado vendo seu governo ir ralo abaixo. Ele não tá preocupado com o desemprego. Tá preocupado com o projeto neoliberal que ele prometeu aos bilionários nesse país e que tá se afundando por conta do covid-19. Sem classe trabalhadora não há enriquecimento dos ricos. Sem exploração de mão de obra os ricos perdem seus privilégios. Ele tá vendo seu projeto de extermínio do SUS sendo questionado agora que uma pandemia exige fortalecimento do sistema único de saúde, universal. É momento de tomada de consciência da realidade. Romantizaram o trabalhador autônomo chamando de micro empreendedor, e hoje este está desesperado sem estabilidade financeira e sem poder sair de casa. Defenderam a flexibilidade trabalhista, as contratações temporárias, o fim da carteira de trabalho e agora o covid-19 colocou seu governo em cheque. Defenderam recursos mínimos e fim de políticas públicas. Aceitaram congelar investimentos na área da saúde e educação em 20 anos. Derespeitaram universitários e cientistas. Aceitaram a destruição das universidades públicas, verdadeiros centros de pesquisas. Tudo isso sendo posto em cheque. O líder que veio de outro país se recusou a fazer quarentena, e pegou na mão de dezenas de manifestantes. Agora tá tossindo e prometendo pesquisas infundadas para tratamento com medicações sem respaldo científico. Tá brigando com governadores e países que estão adotando medidas de isolamento para proteger a população, por priorizar a economia. Economia de quem? Economia para quem?

Bolsonaro acabou. Só resta o desespero de um pseudolíder que tá sendo pressionado por uma elite escravista que prioriza o lucro, independente da morte de milhares de pessoas.

Itallon Lourenço