“Fantasmas” atacam cadastros econômicos e financeiros da Prefeitura de Vitória da Conquista


Prefeitura de Vitória da Conquista admite invasão a cadastros das secretarias de Finanças e Infraestrutura, após denúncia do BConqusita  

Na noite deste domingo (09), o BConquista divulgou com exclusividade que dados de cadastros econômicos do sistema da Secretaria de Finanças do Município podem estar sendo alterados clandestinamente. As alterações estariam ocorrendo fora do espaço físico da secretaria.

     Cadastros econômicos do Município podem estar sendo alterados clandestinamente

Em nota enviada ao Blog de Giorlando Lima, nesta segunda (10), a Prefeitura assumiu que houve possíveis alterações em dados cadastrais nas secretarias de Finanças e da Infra Estrutura.

Ainda segundo a Prefeitura, foram “tomadas todas as providências de trâmite interno e que será solicitada uma sindicância e posterior, se assim for o relatório da sindicância, a abertura de processo administrativo para apuração de responsabilidade referente aos atos e pelos envolvido”.

Segundo apurou o BConquista, as invasões suspeitas ocorrem há vários meses. Entretanto, somente depois da revelação do site que a prefeitura anuncia abertura de sindicância para apurar o fato. Apesar de se tratar de uma ação criminosa, a nota emitida pela Secretaria de Comunicação não informa se o fato foi comunicado à Polícia Civil.

Fontes informaram que já estaria comprovada a liberação de alvarás de empresas em situação irregular e não está descartada a possibilidade de que os acessos ‘ilegais’ tenham como alvo o cadastro da dívida ativa do município.

Em março de 2017, início da gestão do Prefeito Herzem Gusmão Pereira, o jornalista Paulo Nunes denunciou a invasão noturna ocorrida na secretaria de finanças, que teria sido praticada por um secretário, que não era da pasta, e com participação de um hacker.

A denúncia da invasão em 2017

Segundo Nunes, no dia 24 de janeiro de 2017, às 10h30 da noite,  na Prefeitura Municipal de Vitória da Conquistao então secretário de administração, Paulo Willians, adentrou a prefeitura de Vitória da Conquista, acompanhado de duas pessoas. De acordo com o jornalista, inexplicavelmente, ele (Paulo Willians) seguiu até a secretaria de finanças e com um hacker teria invadido um dos computadores.

O vigia teria telefonado para a secretária de finanças e comunicado que salas estavam sendo ocupada. Ela foi até o órgão e encontrou a situação. Ao mesmo tempo, a secretária comunicou ao prefeito Herzem Pereira, que foi até lá. Conforme PN, “muita discussão foi travada, mas, o prefeito não tomou nenhuma decisão”. A secretária teria pedido demissão, porém, Pereira preferiu dar outro “contorno” à questão.

Quando fazia a denúncia no programa de rádio, PN questionou o posicionamento de Pereira, pediu transparência e declarou; “Se começar esconder as coisas, aí vira esquema de Gedell Vieira Lima”, numa referência a estreita relação do prefeito com o cacique do MDB.

Respostas nada republicanas do Prefeito

Sem responder a denúncia por meio da Secretária de Comunicação, o Prefeito optou em partir para o ataque contra o comunicador e àqueles que repercutiram o fato.

Dias depois o alcaide foi ao seu programa, Resenha Geral, e afirmou que a denúncia era “baixa, criminosa, para tentar fomentar uma crise que não existe”. Mas acabou admitindo que técnicos estiveram no prédio da Secretaria para quebrar senha, justificando que estava sendo “ameaçado, chantageado”.

Leia a nota na íntegra;

A prefeitura de Vitória da Conquista, por meio da Secretaria de Finanças e do Núcleo de Tecnologia da Informação (NTI), informa que o município já adotou as medidas necessárias para apurar e identificar possíveis alterações em dados cadastrais da Secretaria de Finanças e a de Infraestrutura.

Prefeitura informa ainda que foram tomadas todas as providências de trâmite interno e que será solicitada uma sindicância e posterior, se assim for o relatório da sindicância, a abertura de processo administrativo para apuração de responsabilidade referente aos atos e pelos envolvidos, além do mais todos os atos que ocorreram com a senha estarão em análise e suspeição para averiguação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *