Professor Cori defende regulamentação das vans para sanar crise do transporte coletivo


Durante a Sessão Ordinária da Câmara Municipal de Vitória da Conquista, na manhã desta segunda-feira, 15, o vereador Professor Cori (PT) voltou a defender a tese de que a resolução da crise do transporte coletivo perpassa pela regulamentação do transporte de passageiros por vans, “pois da forma como está, tem tirado vários passageiros do transporte regulamentar”.

“Quando se discutiu aqui a questão das vans, todos nós discutimos na direção da regulamentação”, lembrou o edil. “Quem está quebrando o sistema é o transporte irregular”, complementou ele, destacando o prejuízo causado pelo transporte irregular. “Quem é o empresário que quer brincar de investir, para ter prejuízo de R$ 1,6 milhão?”, questionou.

Professor Cori disse que é preciso que o Governo Municipal aja conforme estabelece a lei e cumpra a sua responsabilidade. “O transporte depende do Executivo. Se ele quiser salvar, ele cumpre sua responsabilidade”, disse o vereador. “Eu fui eleito para defender o que está dentro da Lei”, apontou Cori. “Não vamos brincar de fazer transporte, não”, alertou.

O parlamentar ressaltou que é necessário que se discuta um “plano b” para o lote que era ocupado pela Viação Vitória. “Qual é o plano B para o lote 2? É o grande debate que a gente tem que fazer”, disse Professor Cori.

Críticas à Cidade Verde – Ainda em seu discurso, o parlamentar questionou o tratamento dispensado à Cidade Verde neste momento de crise do transporte coletivo, com a atuação irregular das vans. “Uma empresa que colocou 90 ônibus 0 Km não presta para Conquista? O irregular é que presta? O que está por trás disso?”, questionou Professor Cori. “não posso me calar mais”, concluiu o vereador.