Defesa diz ao MP que Queiroz está internado no Albert Einstein


Advogados informaram que ex-assessor de Flávio Bolsonaro retirou tumor do intestino no último dia 1º; na entrevista  o investigado disse que estava bem.

Foto: Reprodução/Facebook/Arquivo Pessoal
Foto: Reprodução/Facebook/Arquivo Pessoal

 

Intimado a prestar depoimento desde o mês passado, o ex-assessor de Flávio Bolsonaro, Fabrício Queiroz , informou nesta terça-feira (8) ao Ministério Público do Rio que está internado no Hospital Israelita Albert Einstein, em São Paulo, informa o site do jornal O Globo.

Segundo a publicação, no mesmo comunicado ao MP, Queiroz diz que, no dia 1º de janeiro, submeteu-se a uma cirurgia para retirar um tumor maligno do intestino.

Documento encaminhado pelos advogados de Queiroz ao MP diz que o ex-assessor foi diagnosticado com neoplasia de cólon sigmoide (câncer de cólon). A defesa afirma ainda que o seu cliente passará por nova avaliação de médicos para avaliar qual o melhor tratamento quimioterápico realizará.

Ainda conforme o documento, familiares de Queiroz não irão comparecer ao depoimento marcado para hoje e diz que a mulher do ex-assessor, Márcia Aguiar, e as filhas se mudaram temporariamente para São Paulo, onde devem permanecer por tempo indeterminado até o fim do tratamento dele.