Coronel Lima, a sombra do presidente Michel Temer


Reportagem publicada em VEJA desta semana revela quem é o amigo íntimo do presidente Michel Temer, considerado uma peça-chave pela Polícia Federal para esclarecer as suspeitas de pagamentos de propina para o emedebista. O misterioso João Baptista Lima, conhecido como coronel Lima, está na mira da Operação Lava Jato. Ao autorizar a quebra de sigilo bancário de um presidente da República, o ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), foi assertivo em seu despacho sigiloso, obtido por VEJA: a investigação aponta que Lima pode ter servido como intermediário para o recebimento de vantagens indevidas. Em outras palavras, o coronel pode ter sido utilizado como laranja para receber dinheiro sujo em nome de Temer.

Fotos inéditas, um bilhete escrito de próprio punho pelo presidente, planilhas de controle de doações de campanhas e uma entrevista exclusiva com Lima trazem à tona um personagem que durante muito tempo atuou na sombra de Temer.