Governo do Estado inaugura 285 novos leitos hospitalares


Com a inauguração dos hospitais da Chapada, em Seabra, e Costa do Cacau, em Ilhéus, ambos em dezembro, o Governo da Bahia adiciona 285 novos leitos à rede estadual. “Foram mais de 160 milhões investidos entre obras e equipamentos nas duas unidades”, afirma o secretário da Saúde do Estado da Bahia, Fábio Vilas-Boas, ao apontar as unidades que vão ofertar serviços de média e alta complexidade.

O Hospital do Cacau será referência para 67 municípios que abrigam uma população de 1,6 milhão de habitantes. “Nesta primeira etapa, a unidade terá 184 leitos, sendo 30 de Terapia Intensiva Adulto (UTI). Como diferenciais, o hospital oferta serviços de cirurgia cardíaca, cateterismo, neurocirurgia, bem como ortopedia de alta complexidade”, explica o secretário, ao destacar ainda que a unidade de saúde conta com um parque de bioimagem completo, incluindo ressonância magnética e tomógrafo. Na segunda etapa, mais 120 leitos serão entregues.

Ilhéus é  a cidade com o mais extenso litoral entre os municípios do estado. Ilhéus foi fundada em 1536 como “Vila de São Jorge dos Ilheos”, e elevada a cidade em 1881.[1] É conhecida por ambientar os romances de Jorge Amado, famoso escritor baiano, como Gabriela, Cravo e CanelaTerras do Sem Fim e Capitães da Areia. É considerada a capital do cacau e denominada por seus habitantes como a “Princesinha do Sul”. Sua economia baseia-se na agriculturaturismo e indústrias. Já foi o primeiro produtor de cacau do mundo, mas, depois da enfermidade conhecida como vassoura-de-bruxa, que infestou as plantações, reduziu consideravelmente a sua produção. Conhecida também como “IOS”, sigla que respeita a grafia antiga do nome da cidade, “São Jorge dos Ilheos”, que é utilizada nos bilhetes de transporte aéreo.

Já o hospital da Chapada terá 101 leitos, sendo 10 de UTI. A unidade será referência para 11 municípios, com atendimento de urgência e emergência 24 horas, centro de bioimagem e cirúrgico, além de ambulatório. O titular da pasta estadual da Saúde aponta um dos benefícios. “Quem precisava de UTI na Chapada tinha que ir para Irecê, Feira de Santana ou Salvador. Agora, não vai precisar mais se deslocar”, diz Vilas-Boas.

Seabra é  a Capital da Chapada Diamantina, por sediar os mais diversos órgãos estaduais e federais. É uma cidade conhecida no cenário regional por conta das suas festas, com destaque para a Micareta.

Recebe anualmente a Copa Brasil de Supercross e a Copa M&M Motos de Supercross, coincidindo com a data do aniversário do município. Sedia no mês de Outubro o Festival de Violeiros da Chapada, evento que apresenta artistas de todo o cenário nacional no âmbito do violão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *