UNEB realiza Encontro Internacional de Alfabetização de Jovens e Adultos

Interessados em submeter trabalhos devem realizar inscrição até 3 de setembro   A educação como prática da liberdade: O legado de Paulo Freire na contemporaneidade. Esse é o tema do  VI Encontro Internacional de Alfabetização e Educação de Jovens e Adultos (ALFAeEJA), que será promovido pela UNEB, por meio do Programa de Pós-graduação Mestrado Profissional em Educação de … Leia Mais


Uesb abre seleção para estagiários de nível médio

De 23 a 30 de agosto, estudantes do 1º e 2º ano do Ensino Médio podem se inscrever na seleção de estagiários da Uesb. Conforme o Edital 147/2019, o objetivo é a formação de cadastro de reserva para atuação nos campi de Itapetinga, Jequié ou Vitória da Conquista. Para se inscrever, é preciso preencher o requerimento … Leia Mais


7ª chamada do Vestibular para 2019.1: prorrogação das matrículas

Por meio da Portaria 0517/2019, foi prorrogado o período de matrícula para os aprovados em sétima chamada no Vestibular Uesb 2019, para ingresso no primeiro semestre letivo. Agora, os convocados podem se matricular de 12 a 14 de agosto. A matrícula acontece na Secretaria de Cursos do campus em que o estudante foi aprovado, das 14h30 … Leia Mais


      FAINOR recebe prêmio nacional Silvio Tendler

Faculdade venceu concurso de vídeos sobre Responsabilidade Social O Diretor Geral da FAINOR, professor Edgard Larry Andrade Soares, acaba de receber em nome da Faculdade o prêmio Silvio Tendler de Vídeos sobre Responsabilidade Social. A FAINOR venceu na categoria Videoclipe e a cerimônia de premiação nacional foi realizada na sede da Associação Brasileira de Mantenedoras … Leia Mais


Escola Alcides dos Santos inova no ensino musical em Cachoeira

POR BOMFIM BROWN 16/07/2019 CACHOEIRA ESCOLA ALCIDES DOS SANTOS FILARMÔNICA MINERVA CACHOEIRANA Mais uma ótima colaboração da jornalista Claudia Correia ao blog. Desta vez ela fala do trabalho da Escola Alcides dos Santos, mantida pela Minerva Cachoeirana, na histórica cidade de Cachoeira. Leia o texto de Claudia e conheça um pouco do que vem sendo feito por esse projeto … Leia Mais


Analfabetismo no Brasil cai entre 2016 e 2018 de 7,2% para 6,8%


É o que revela pesquisa do IBGE

Agência Brasil
Foto: Arquivo/Agência Brasil
Foto: Arquivo/Agência Brasil

 

O analfabetismo no Brasil caiu entre 2016 e 2018. Na faixa entre 15 anos ou mais, passou de 7,2% em 2016 para 6,8% em 2018. No ano passado, eram 11,3 milhões de pessoas nesta condição.

Na comparação com 2017, a queda de 0.1 ponto percentual corresponde a menos 121 mil analfabetos entre os dois anos. Os dados fazem parte da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua Educação 2018 (Pnad Educação), divulgada hoje (19), no Rio de Janeiro, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

De acordo com o levantamento, o analfabetismo no Brasil está diretamente associado à idade. Quanto mais velho o grupo populacional, maior a proporção de analfabetos.

Nas pessoas de 60 anos ou mais, a taxa declinou de 20,4% para 18,6%, o mais alto percentual entre as faixas de idade. A taxa de 2018 equivale a quase 6 milhões de analfabetos.

O percentual de mulheres é maior (19,1%) que o dos homens (18%), mas quando a análise é entre 15 ou mais anos, as mulheres têm taxa menor (6,6%) do que os homens (7%). Segundo o IBGE, entre os mais velhos, o analfabetismo, em grande parte, ocorre por questões demográficas, como o envelhecimento da população.

Apesar da queda no analfabetismo, o Brasil pode não cumprir a meta de erradicação em 2024 para a faixa de 15 anos ou mais. Segundo a analista da Coordenação de Trabalho e Rendimento do IBGE (Coren), Marina Aguas, a queda verificada entre 2016 e 2018 é significativa em termos estatísticos, mas até 2024 muita coisa pode acontecer.

“Tem uma meta intermediária que foi de 2015, que era do analfabetismo ser de 6,5%. Até agora a gente não cumpriu a meta intermediária e a erradicação do analfabetismo em 2024. Para alcançarmos essa erradicação, os desafios são grandes, mas para acontecer vai depender do que a política pública vai fazer por este grupo para que essas pessoas sejam alfabetizadas”, observou a analista.

Cor ou raça

Na análise de cor ou raça a diferença é grande. Em 2018, 3,9% das pessoas de 15 anos ou mais analfabetas eram brancas, enquanto as pessoas pretas ou pardas eram 9,1%.

Com 60 anos ou mais, a diferença é ainda maior. As brancas são 10,3% e as pretas e pardas, 27,5%.

Analfabetismo por regiões

Embora tenha registrado no período 2017 e 2018 uma queda de 14,48% para 13,87% na faixa de 15 anos ou mais, o Nordeste é a região com maior percentual, seguido do Norte (7,98%), Centro-Oeste (5,40%), Sul (3,63%) e Sudeste (3,47%). As diferenças se mantêm na faixa de 60 anos ou mais. No Nordeste são 36,87, no Norte 27,02%, no Centro-Oeste 18,27%, no Sul 10,80% e no Sudeste 10,33%.

Nível de instrução (mais…)


Uesb informa sobre retorno das atividades e reajuste do Calendário


Uesb

Com o encerramento da greve dos docentes da Uesb, conforme deliberação adotada em assembléia da Adusb realizada em 12 de junho, a Reitoria e a Pró-Reitoria de Graduação comunicam, por meio de Circular, os procedimentos a serem adotados para retomada das atividades acadêmicas da Instituição e conclusão do período letivo 2018.2.

1. Reinício das aulas: informamos aos Departamentos, Colegiados, Centro Acadêmicos (CAs), Diretórios Centrais dos Estudantes (DCEs) e todos os setores da Uesb, o reinício das aulas na próxima segunda-feira, 17 de junho, em todos os campi da Uesb.

2. Término do período letivo 2018.2: considerando os dias letivos que restavam para a conclusão do semestre em curso no momento de deflagração da greve, o período letivo 2018.2 deverá ser concluído em 17 de julho de 2019 (sem contabilizar os dias de provas finais) e em 20 de julho de 2019 (contando o período de provas finais).

3. Previsão de início do período letivo 2019.1: adotando os critérios aprovados pelo Conselho Superior de Ensino, Pesquisa e Extensão (Consepe), as aulas do primeiro período letivo de 2019 têm previsão de início em 29 de julho de 2019.

Ressaltamos que nossa Universidade realizou Vestibular em janeiro de 2019 e abriu vagas no Sistema Unificado de Seleção (Sisu), disponibilizando vagas para os dois semestres letivos de 2019. Ou seja, temos estudantes selecionados e matriculados para os períodos letivos de 2019.1 e 2019.2 que aguardam a convocação para o início das suas atividades acadêmicas.

Para viabilizar, de forma ágil, acordos que venham a ser firmados entre a categoria dos docentes e o Governo do Estado da Bahia, no tocante ao pagamento dos dias descontados dos salários dos professores em greve, algumas decisões relacionadas ao Calendário Acadêmico da Uesb poderão ser adotadas por atos ad referendum.

De toda forma, comunicamos que o Consepe será convocado para reunião antes do término previsto do semestre 2018.2, retomando sua pauta de discussão e deliberação, nela incluída o tema do Calendário Acadêmico.

Marcos Henrique Fernandes
Presidente do Consepe em exercício

Reginaldo Santos Pereira
Pró-Reitor de Graduação da Uesb

Confira aqui o Calendário Acadêmico 2018.2 após a greve


Aprovados no Sisu podem se matricular nas instituições até segunda-feira (17)


Vagas que não forem preenchidas serão ofertadas para estudantes em lista de espera

Os estudantes selecionados no Sistema de Seleção Unificada, o Sisu, do segundo semestre de 2019, devem fazem suas matrículas nas instituições até a próxima segunda-feira (17).

Cabe aos candidatos verificar os dias, horários e locais de atendimento definidos por cada instituição. Lembrando que as vagas que não forem preenchidas vão ser ofertadas para os estudantes em lista de espera. Quem quiser participar desta lista, deve acessar o site sisu.mec.gov.br até o dia 17 de junho.

O Sisu oferece vagas em instituições públicas de ensino superior e a seleção é feita com base no desempenho no Exame Nacional do Ensino Médio, o Enem de 2018.

Segundo o Ministério da Educação, nesta edição do programa, mais de 640 mil estudantes fizeram a inscrição.

Cintia Moreira
Com 3 anos de formação, Cintia sempre optou pelo radiojornalismo. Em uma de suas experiências profissionais ganhou um prêmio jornalístico e jura que não tem pautas de preferência. Sua única preferência é que tenham pautas.

2º Concurso de História em Quadrinhos do Eco Kids e Eco Teens


Com o intuito de incentivar e promover novos talentos na área da criação e produção de histórias em quadrinhos, o projeto Eco Kids e Eco Teens lança a segunda edição do seu Concurso de História em Quadrinhos, Tiras Humorísticas e Charges. Desta vez, o tema central da competição é “Parque Municipal Serra do Piripiri”, que abrangerá os subtemas: Água, Resíduos Sólidos, Poço Escuro, Rio Verruga, Melocactus, Fauna e Flora.

O Concurso é dividido em três categorias: “Eco Kids”, voltada para alunos do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental; “Eco Teens 1”, destinada aos estudantes do 6º ao 9º ano do Ensino Fundamental e Educação de Jovens e Adultos (EJA); e “Eco Teens 2”, que contempla alunos do Ensino Médio e Educação de Jovens e Adultos (EJA).

Seleção – As unidades de ensino realizarão uma pré-seleção de seis dos melhores trabalhos produzidos. Esses produtos devem ser encaminhados, nos dias 30 e 31 de julho, ao Ministério Público da Bahia, seguindo as orientações do Edital do Concurso.

Após essa pré-seleção, a Comissão Julgadora do Concurso avaliará os trabalhos inscritos a partir das normas estabelecidas, bem como dos critérios como a utilização do formato, a articulação temática, os aspectos relativos à linguagem e a utilização dos recursos gráficos, a criatividade e originalidade da produção, bem como a interpretação e adaptação da história.

Os finalistas serão divulgados nos dias 4 e 5 de setembro no site do Projeto e o resultado final será anunciado na cerimônia de premiação. Os vencedores e as fotos dos alunos ou duplas premiadas farão parte da 2ª edição do Gibi Ambiental “Parque Municipal Serra do Piripiri”.

O Projeto Eco Kids e Eco Teens é uma iniciativa do Ministério Público da Bahia, em parcerias com a Uesb e diversos órgãos do município de Vitória da Conquista.


Estudantes já podem consultar vagas do Sisu


A consulta para vagas do Sistema de Seleção Unificada, o Sisu, já está disponível. A plataforma informatizada do Ministério da Educação permite que instituições públicas de ensino superior ofertem vagas para candidatos participantes do Enem. Neste caso, os estudantes vão ter acesso às instituições e aos cursos que serão oferecidos.

Uma vez por dia, o Sisu calcula a nota de corte, que é a menor nota para o candidato ficar entre os potencialmente selecionados. Essa pontuação mínima para cada curso é baseada no número de vagas disponíveis e no total dos candidatos inscritos naquele curso, por modalidade de concorrência.

Lembrando que a nota de corte é somente uma referência para ajudar o aluno no monitoramento da inscrição e não garante a seleção para a vaga ofertada. As inscrições do Sisu podem ser feitas a partir da próxima semana, entre os dias 4 e 7 de junho.


Estudante da Uesb em primeiro lugar entre os Talentos Florestais


“Foi através dos meus conhecimentos, adquiridos em sala de aula, somados aos conhecimentos adquiridos através de iniciações científicas, projetos de extensão, estágios e todos os demais envolvimentos durante a graduação que formaram quem sou hoje”, contou Carmela Scipioni, estudante da Uesb que integrou a equipe campeã do Desafio Talento Florestal.

A ação foi realizada na Universidade Federal do Paraná (UFPR) e teve o objetivo de integrar os alunos que se destacam nos cursos de Engenharia Florestal mais bem avaliados do país. Promovido pela Malinovski, empresa da área, o “Talento Florestal” apresenta o mercado de trabalho aos estudantes ao mesmo tempo que propõe uma programação enriquecedora.

“Foi um evento muito intenso, que abriu muitas portas para nós estudantes. Foram três dias de muitos sentimentos. Tivemos a oportunidade de ouvir palestras maravilhosas e motivadoras de grandes profissionais e de grandes empresas do setor florestal do Brasil e do mundo”, descreveu a campeã. Ela lembrou da importância do incentivo dos professores do curso de Engenharia Florestal: “os professores são responsáveis por plantar a sementinha em nós e, em contrapartida, nós temos a responsabilidade de regar e manejar”.

Uesb entre os 25 melhores cursos do país – Nesse sentido, o coordenador do curso de Engenharia Florestal, professor Adalberto Brito, ressaltou a oportunidade de levar o nome da Uesb aos quatro cantos do país. “O curso conta hoje com um dos mais renomados quadros de professores do Norte/Nordeste, comprometido e dedicado com o desenvolvimento da Engenharia Florestal e com as transformações regionais. Dos mais de 60 cursos do Brasil, contando com aqueles mais tradicionais, estamos entre os 25 melhores e com apenas 13 anos de vida”, enfatizou Brito. (mais…)


Técnicos e analistas de universidades estaduais fazem acordo com o Governo do Estado


O Fórum dos Sindicatos dos Servidores Técnico Administrativos das Universidades Estaduais e o Governo do Estado assinaram um acordo, na tarde desta quinta-feira (23), após reunião com o governador Rui Costa na sede da Governadoria, no Centro Administrativo da Bahia (CAB), em Salvador. Ficou definida a reestruturação da tabela de vencimentos dos técnicos administrativos das quatro universidades estaduais que têm vencimentos abaixo do salário mínimo.

No acordo, aceito nesta quinta-feira (23) pelos servidores da Universidade do Estado da Bahia (Uneb) e da Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc), também ficou estabelecido o ajuste do quadro de vagas para permitir a promoção na carreira de 244 servidores dessas duas instituições, sendo 184 da Uneb e 60 da Uesc, entre técnicos administrativos e analistas.

Representantes das universidades estaduais de Feira de Santana (Uefs) e do Sudoeste da Bahia (Uesb) ainda não assinaram o acordo com o Governo do Estado, mas também terão direito ao ganho salarial por decisão do governador. No entanto, as promoções e progressões de carreira ainda não estão asseguradas, até que um acordo entre as duas universidades e o Estado seja efetivado.

Progressão para Uneb e Ues

 

Um projeto de lei com a reestruturação do quadro de vagas da Uneb e Uesc será encaminhado à Assembleia Legislativa da Bahia (Alba) até esta sexta-feira (24). “O destravamento das promoções e das progressões gera, cada um, ganhos entre 8% e 7%, e as ampliações de carga horária, quando acontecerem para esses servidores, representarão mais um terço na remuneração. No total, estamos falando, para este grupo das universidades, de um investimento entre 7 e 8 milhões de reais ao ano, que certamente serão refletidos na melhoria da qualidade de ensino”, afirmou o superintendente de Recursos Humanos da Secretaria da Administração do Estado (Saeb), Adriano Tambone. (mais…)