Seu recado!
Buscar por data
janeiro 2015
D S T Q Q S S
« dez    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031
Arquivo BPN




imuminação-65245
emprego-2356
580-1
<< >>

colegio opcaoPublicidade

Prefeitura e permissionários da Ceasa da Avenida Juracy Magalhães chegam a acordo

      Em negociação, foi firmado um novo valor das taxas que servirão para custeio do espaço

Em reunião na tarde desta sexta, 30, com a Prefeitura, os permissionários da Ceasa da Avenida Juracy Magalhães fecharam acordo para permanecerem no atual espaço. A reunião contou com a participação de representantes da Prefeitura de Vitória da Conquista e da Associação dos Comerciantes Atacadistas do Quinto Galpão Ceasa (Acatace).

De acordo o presidente da Acatace, Eduardo Rocha, “o valor do metro quadrado foi rediscutido e a prefeitura nos deu esta oportunidade e demonstrou boa vontade ao dialogar, vamos permanecer na avenida Juracy Magalhães, mas já almejando o novo Ceasa para um futuro breve”. O valor firmado na negociação, por metro quadrado, foi de R$ 11, referente às taxas de permissão do solo e entrada de caminhões. O valor total arrecadado serve para cobrir o custo do espaço.

:: Leia mais e comente »

Artista humilha TV Globo e gera polêmica ao criticar BBB e o Brasil

MOBILIDADE URBANA: Obras de pavimentação seguem no Morada Real

PAVIMENTAÇÃO MORADA REAL

As obras de pavimentação no bairro Morada Real continuam. Na tarde desta sexta-feira, 30, os moradores da Rua C, tiveram a oportunidade de contemplar homens e máquinas da Empresa Municipal de Urbanização (Emurc) aplicando a camada de asfalto na via. Para o lavrador Osvaldo Alves, que mora no bairro há 15 anos, essa é uma grande conquista. “A gente estava esperando por isso e agora a gente vê um novo visual no bairro”. Morador da rua há mais de 20 anos, o aposentado Josué Viana destacou que a obra traz grandes vantagens. “Não tem nem como comparar o antes do depois, o bairro está ficando mais bonito, mais valorizado”, disse. No bairro Morada Real estão sendo investidos cerca de R$ 5 milhões, oriundos de financiamento da primeira etapa do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2) com contrapartida da Prefeitura. As obras beneficiarão 16 vias das localidades. Além da pavimentação, estão sendo executados serviços de drenagem e rebaixamento de rede.

Prefeitura e Sindacs se reúnem pela primeira vez em 2015

Categoria apresentou as primeiras demandas da pauta de negociações 

Representantes do Governo Municipal e do Sindicato dos Agentes Comunitários de Saúde e de Endemias (Sindacs) se reuniram pela primeira vez em 2015 na manhã desta sexta-feira, 30. Durante o encontro, foram apresentadas as primeiras demandas da agenda de negociações referente ao novo ano. O encaminhamento da discussão será apresentado pelo sindicato à categoria numa assembleia que será realizada no próximo dia 5.

“O Sindacs tem demonstrado a compreensão do conjunto de medidas econômicas necessárias que o país vive, e principalmente a realidade do nosso município. A Prefeitura tem cumprido todos os compromissos assumidos com a categoria”, observou o secretário municipal de Administração, Gildásio Silveira. “Temos algumas demandas para a agenda de 2015, que vamos avaliar com toda a tranquilidade e responsabilidade. O Sindacs e o Governo Municipal estarão reunidos para avançar”, acrescentou.

Os avanços foram reconhecidos pela coordenadora estadual do Sindacs, Rita Suzana França. “Aqui foi uma reafirmação dos avanços que a gente vêm tendo junto com o Governo Municipal. Se formos comparar com outros municípios, a nossa avaliação é realmente positiva. Esperamos que continue assim”, observou a sindicalista.

Avanços – Em setembro do ano passado, a Prefeitura de Vitória da Conquista sancionou a Lei nº 1.995/2014, que autorizou o pagamento do novo piso salarial nacional aos agentes comunitários de saúde e de endemias. Com isso, o município se tornou um dos primeiros da Bahia a fazer cumprir a determinação nacional, então recém-aprovada. A decisão significou um impacto de R$ 150 mil por mês na folha de pagamento da Prefeitura.

:: Leia mais e comente »

Entenda a importância da eleição na Câmara e no Senado em 1min30seg

 

A Câmara e o Senado elegem seus novos presidentes e a composição das suas Mesas Diretoras no domingo (1º.fev.2015). A data está determinada na Constituição Federal e independe do dia da semana. O comando das 2 Casas tem muita influência sobre a condução do país. O presidente da Câmara é o terceiro na linha sucessória da Presidência da República. O presidente do Senado é o quarto. O presidente da Câmara tem poder para arquivar ou dar prosseguimento a pedidos de impeachment contra a presidente da República. Ele também define quais projetos de lei devem ser pautados para votação. O presidente do Senado define a pauta daquela Casa e preside as sessões conjuntas do Congresso Nacional. No Senado também são aprovados nomes indicados para o Supremo Tribunal Federal e para Agências Reguladoras. O presidente da Casa tem muito poder para dizer quando as sabatinas desses indicados ocorre e quando seus nomes são apreciados pelo plenário da Casa. A relação dos 2 presidentes com o Palácio do Planalto dá a medida da dificuldade do governo para implementar medidas que julgue necessárias e enfrentar manobras da oposição. Leia post sobre este vídeo e acesse o Blog do Fernando Rodrigues.

Trânsito: confira as mudanças nas proximidades do Lomantão

pmvc-9--600x399
Atenção! A partir desse sábado, 31, às 12h, o novo semáforo instalado pela Prefeitura Municipal entre as avenidas Luís Eduardo Magalhães e Jorge Teixeira passará a funcionar. O objetivo da intervenção é melhorar a fluidez do trânsito e garantir a segurança de pedestres e condutores que trafegam pelo local, por isso, atenção redobrada às mudanças.

Todo o local está recebendo as sinalizações horizontal e vertical adequadas.  Além disso, no sábado, 31, e no domingo, 1°, durante a primeira partida do Campeonato Baiano no Estádio Municipal Lomanto Júnior (Lomantão), uma equipe do Simtrans estará nas proximidades orientando pedestres, ciclistas, motociclistas e motoristas.

 

Vale ressaltar que, em todas as partidas sediadas no Lomantão, o Simtrans atuará no local.

www.pmvc.ba.gov.br

Policial militar da Bahia explica processo de identificação de tatuagens em criminosos

Foto: Carla Ornelas

Foto: Carla Ornelas

Imagens quase sempre associadas ao mundo da infância são usadas pelo crime como estratégia de comunicação entre gangues. Tatuagens de duendes, palhaços, anjos, magos, e de personagens infantis como o ‘Saci-Pererê’, ‘Diabo da Tasmânia’, ‘Papa-léguas’, ‘Snoop’, entre vários outros, estão estampadas na pele de criminosos dentro e fora dos presídios brasileiros.

Um estudo sobre esses símbolos revelou que muitas das imagens são identificação de patente, organização criminosa e crimes. Como resultado do trabalho coordenado há aproximadamente dez anos pelo capitão do Batalhão Especializado em Policiamento de Eventos, Alden José Lázaro da Silva, da Polícia Militar da Bahia, foi elaborada uma cartilha com 36 tipos de tatuagens associadas a crimes específicos, que já começou a ser usada pela PM no combate à violência.tenente PM

“A cartilha de orientação de tatuagens é mais uma ferramenta usada no cotidiano da atividade policial para ajudar a nortear as investigações de crimes. Muitas estão associadas a organizações criminosas como o Primeiro Comando da Capital (PCC), os Caveiras e o Comando da Paz. Isso não significa que quem tiver qualquer tatuagem será abordado. Os determinados tipos de tatuagem encontrados nos presos e a parte do corpo onde foram colocados servirão de alerta, mas as investigações acontecerão caso a gente identifique outros indícios”, explica o capitão.

Lenda urbana

:: Leia mais e comente »

VLT: a chegada do velho novo bonde em Conquista

Paulo Nunes

Paulo Nunes

Encravada no Alto Sertão da Bahia, Vitória da Conquista não foi agraciada com o bonde do passado, mas, obstante a isso, jamais perdeu o bonde do futuro. Nossa cidade tem hoje 310 mil habitantes, bem distribuídos no território parecido com uma bacia. Cidade erguida com ruas estreitas e carroçáveis, se vê, na modernidade, na obrigação de construir ruas cada vez mais largas para que o fluxo de veículos não sofra atraso e, consequentemente, a economia não seja prejudicada. Em meio a essa necessidade premente, surgem ideias, das mais complexas às mais simples. A administração atual tenta adequar os espaços públicos, ruas e avenidas ao fluxo de automóveis que cresce numa velocidade estonteante. A oposição, por utopia (ou ignorância mesmo), tenta também, a seu modo, trazer ideias que parecem modernas e aplicáveis, mas que estão longe do alcance das finanças públicas municipais.

A administração pública trabalha com orçamento, e esse instrumento é que determina a capacidade de investimento da Prefeitura, do estado ou do país para um ou quantos anos mais. Portanto, as ideias de melhorias sociais de uma nação podem surgir, mas jamais dissociadas do quanto de tributo deve ser arrecadado para as obras futuras, pois dinheiro do governo é o dinheiro arrecadado das pessoas através de seus tributos pagos e não dos tributos presumidamente lançados como débitos.

Na eleição de 2012, o candidato da oposição ao governo municipal apareceu com a ideia de, em seu governo (caso fosse eleito) implantar o sistema de VLT – Veículo Leve sobre Trilhos e, com isso, resolveria o problema do transporte coletivo em Conquista. Como não sabia o que falava, não conhecia o serviço e seus custos, foi dizimado pelo candidato oposto e, consequentemente, perdeu o debate e qualquer chance de eleição, pois não era interessante para o eleitor (que pagaria os custos da ideia), ter na Prefeitura alguém que falasse pela boca dos outros e, mesmo tendo a chance de estudar o problema, prefere de maneira contumaz, enaltecer as qualidades acadêmicas de quem lhe sopra aos ouvidos. Isso não é prudente ao príncipe. O empresário José Maria Caires escreveu um artigo, mostrando algumas vantagens do VLT, sem, contudo, analisar os custos operacionais, presentes e futuros, da obra. Enxerga o equipamento como necessário, mas não urgente. veja aqui
:: Leia mais e comente »

Dia Nacional da Visibilidade Trans é comemorado nesta quinta, 29

chamada-visibilidade

Nesta quinta-feira, 29 de janeiro, é celebrado nacionalmente do Dia da Visibilidade de Travestis e Transexuais. Essa é uma data para celebrar a cidadania e marcar a luta do público trans pelos direitos humanos, cidadania e respeito à identidade de gênero. Atenta à população trans conquistense, a Prefeitura de Vitória da Conquista criou, em maio de 2014, a Coordenação Municipal de Políticas Públicas de Promoção da Cidadania e Direitos de LGBT. Ligada à Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social, a coordenação formula e propõe diretrizes de ações voltadas para o combate à discriminação e para a promoção e a defesa dos direitos LGBT. Além disso, a coordenação promove ações e projetos cujo foco é o amplo debate sobre a homofobia e o direito à livre orientação sexual e identidade de gênero. Tais ações, que estimulam ainda uma cultura de paz e respeito à diversidade, buscam tornar Vitória da Conquista um território livre da homofobia. Uma delas, assegurada ainda quando a Coordenação era Assessoria Técnica, foi garantir o uso do nome social de travestis e transexuais nos órgãos da Administração Municipal direta e indireta, autarquias, fundações e na rede municipal de ensino. A iniciativa foi pioneira no interior da Bahia. Somente as cidades de Salvador, Lauro de Freitas e Camaçari possuem legislação semelhante.

Moradores do Senhorinha Cairo comemoram benefícios garantidos pela Prefeitura

Além da nova unidade de ensino, a comunidade do bairro está sendo beneficiada com a pavimentação de 48 vias

Com dois anos de idade, a pequena Alice Vitória terá seu primeiro dia de aula em 9 de fevereiro, data em que se inicia o ano letivo na Rede Municipal de Vitória da Conquista. Sua mãe, Vitória Moreira, 31, matriculou-a na Creche Municipal do Senhorinha Cairo, recém-construída pela Prefeitura, que a entregou oficialmente à comunidade local na manhã desta quarta-feira, 28. Ambas, portanto – a menina e a creche – iniciarão juntas suas trajetórias escolares.

“Eu já tinha vindo outras vezes aqui, para visitar. Achei muito bonito, muito organizado. E estou muito feliz por ter conseguido que ela estudasse aqui”, disse a mãe, que mora com Alice Vitória, o marido Jean Oliveira e o outro filho, Riquelme, no Residencial Jequitibá, empreendimento do programa federal Minha Casa Minha Vida construído no bairro vizinho, o Miro Cairo. :: Leia mais e comente »

TULIÇA: Hérzem não está entendendo nada; Paulo Nunes está entendendo tudo!

Paulo-Nunes-artigoChico Estrela ligou para informar a diplomação do suposto deputado e recebeu de nós a contra informação de que ao contrário do que a Radio dizia, o candidato por força de liminar, seria diplomado como suplente, por isso, ao contrário do candidato, nós estávamos entendendo tudo. Chico não avisou ao Hérzem porque não quis’, ou não acreditou em quem só escreve a verdade. O tempo provou quem mentiu para a cidade.

Aberrante, minha cara e nobre família conquistense! O mister de informar na era moderna encontra percalços quando a notícia envolve poderosos de plantão, assim como no passado dos coronéis de fazenda e nas ditaduras militares ou civis. Nesse famigerado processo que envolveu a cassação do candidato a deputado estadual Hérzem Gusmão tivemos uma série de mentiras colocadas na imprensa e, parte dela, optou pelo silêncio.

Esta mesma imprensa teria que divulgar essas notícias que, embora verdadeiras, no entendimento de alguns jornalistas poderiam trazer embaraços ao então candidato Hérzem Gusmão. Lembramos que a imprensa não tem compromissos individuais com quem quer que seja. A Imprensa tem compromisso, primeiro com a verdade, e, logo em seguida, com a coletividade; e se a notícia envolve atos públicos, precisa ser divulgada, mesmo que o implicado seja o pai do jornalista. Sua obrigação é colocar a verdade para a comunidade. Este princípio vem sendo achincalhado em Vitória da Conquista pelo jornalismo faccioso e interesseiro praticado pela Rádio 96 FM, quando as notícias envolvem o processo de seu candidato a deputado estadual.

Esse candidato sofreu quatro derrotas consecutivas e por unanimidade: duas no Tribunal Regional Eleitoral da Bahia e outras duas no Tribunal Superior Eleitoral em Brasília. As notícias no tocante a esse problema jamais foram noticiadas ou analisadas na “Rádio”. O silêncio foi usado como a melhor forma de informar a população, e o que é pior: “fakes” atacaram a Imprensa que divulgou a verdade. Entretanto, quando o candidato conseguia uma liminar, esses mesmos “fakes” cobravam, por e-mail, telefone e outras formas de recado, que aquela Imprensa, tachada por eles como mentirosa, divulgasse a liminar, com um adendo importante: colocando em seu veículo apenas a versão distorcida distribuída pelo interessado candidato a deputado. Quando se colocava os dois lados da notícia, era ameaçada até de morte; lamentável, mas ao mesmo tempo hilariante. :: Leia mais e comente »

100 ANOS DE JORNALISMO EM VITÓRIA DA CONQUISTA

Uma homenagem a 40 jornalistas dos últimos 40 anos


*Por Luís Fernandes

“Por ser historiador, seu texto é baseado em pesquisas bem trabalhadas e, hoje, com textos como este, recupera nomes já esquecidos pela sociedade. Depois de Ruy Medeiros é quem mais se preocupa em usar uma linguagem fácil, transmitindo informações sobre a história do povo de Vitória da Conquista nos seus diversos segmentos. Pode ser considerado um nome entre os cinco melhores jornalistas já produzidos em nossa região”.

Paulo Nunes

Vitória da Conquista, no Sudoeste da Bahia, é hoje um pólo regional com cerca de 340 mil habitantes. E, como toda cidade de médio porte, tem uma história de 170 anos construída por seus filhos e por aqueles que para aqui vieram, ficaram ou foram embora, mas deixaram registradas suas passagens por estas terras. História esta registrada por jornalistas em suas “páginas de vida”, escritas por longos 100 anos. Sim, desde que surgiu o primeiro jornal nesta cidade (em 18 de maio de 1910) “A Conquista” que Vitória da Conquista foi escrevendo, por linhas certas e tortas, sua rica história. E, para homenagear esses 100 anos de Jornalismo, registramos hoje (um dia qualquer no mês de junho de 2010) 40 nomes que escreveram sua história em Conquista e escreveram grande parte da história desta cidade nos últimos 40 anos. É evidente que nos finais dos anos 70, Pedro Lopes Ferraz e Aníbal Lopes Viana, com os jornais “O Sertanejo” e “Jornal de Conquista”, ainda no uso do linotipo, levavam as notícias do Brasil e região às portas das casas dos conquistenses; Cid Ferraz escrevia no “Sertanejo” e o poeta e cônsul da Bahia Antônio Vieira escrevia o “Jornal de Conquista”. Luís Spínola Braga escrevia o jornal “Equipe” e o carioca Zanoni fez a primeira revista em Vitória da Conquista, cuja capa trazia o ídolo do futebol Antônio Jesuíno (Piolho); a revista se chamava “Vitória da Conquista – metrópole do progresso”; circulou apenas o número 1.

ISNARD VASCONCELOS, gaúcho, foi fundador do primeiro diário de Conquista, o jornal “Tribuna do Café”, em 1974, ainda com o nome “Fantástico Regional”. Suas matérias eram geralmente políticas. Hoje (junho de 2010) Isnard reside em Eunápolis (BA).

RUY MEDEIROS, advogado e historiador, foi redator de um dos melhores jornais de Vitória da Conquista, “O Fifó”, entre os anos de 1977 e 1978, que sobreviveu por 15 edições como jornal de oposição, tipo alternativo, ao lado de colaboradores como Gilson Moura, Hélio Gusmão e Hildebrando Oliveira. Ruy era daqueles jornalistas que fazia valer a frase: “Jornalismo é oposição. O resto é armazém de secos e molhados”; tem um texto inteligente, culto e instrutivo. Suas matérias resgatam a história de Conquista de uma maneira crítica, contextual e esclarecedora. Continua morando em Conquista, advogando e ensinando no Curso de Direito da Uesb (Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia).

:: Leia mais e comente »

Permissionários do Centro de Comércio Popular começam a assinar termos de permissão de uso

                         A previsão é que o espaço comece a funcionar a partir do dia 23 de fevereiro

Já de posse das chaves de seu boxe, localizado no número 75 do módulo C, no Centro de Comércio Popular de Vitória da Conquista, a comerciante Eliete Carvalho Santos, 70 anos, não vê a hora de se mudar para o novo espaço e continuar a comercializar ali suas capas para aparelhos celulares. Ela assinou na tarde de terça-feira, 27, o termo de permissão, documento firmado com a Prefeitura, que lhe dá direito à ocupação do boxe.

Eliete trabalha no comércio informal há pelo menos vinte anos, tempo suficiente para ter conhecido as antigas instalações da então chamada “Feira do Paraguai” – que, agora, dá lugar ao Centro de Comércio Popular, construído pelo Governo Estadual numa área de mais de 2 mil metros quadrados, com 302 boxes, além de áreas de circulação, sanitários, escadarias, elevadores e rampas de acesso para pessoas com dificuldades de locomoção. O espaço oferece conforto e segurança, tanto para comerciantes quanto para os cidadãos que forem às compras. “Hoje é um luxo, uma beleza. Graças a Deus que nós temos esse espaço”, comemorou Eliete. “Estou pronta, só esperando os clientes”.

Estrutura digna – As assinaturas dos termos de permissão começaram nessa terça-feira, 27, e prosseguirão até o dia 10 de fevereiro. Os comerciantes que assinaram, receberam as chaves dos boxes com que foram contemplados no sorteio realizado pela Prefeitura em 10 de dezembro – ocasião em que foram sorteados os ocupantes dos primeiros 196 boxes. Outro sorteio ainda será promovido, a fim de completar a lista dos 302. Após a entrega das chaves, as expectativas do Governo Municipal são de que o Centro de Comércio Popular comece a funcionar logo após o Carnaval – provavelmente, no dia 23 de fevereiro.

:: Leia mais e comente »

Matrícula de novos estudantes da UFOB começa nesta sexta-feira (30)

Os 884 candidatos selecionados na primeira chamada do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) para a Universidade Federal do Oeste da Bahia têm esta sexta (30), segunda (2) e terça-feira (3) para realizarem a matrícula nos cinco câmpus da Instituição.

Para efetivá-la, os aprovados devem apresentar a seguinte documentação: uma foto 3×4 recente; fotocópias legíveis,autenticadas de RG, CPF; carteira de reservista  (para os candidatos do sexo masculino, com mais de 18 anos); comprovante de quitação com a Justiça Eleitoral – para maiores de 18 anos; e certificado de Conclusão e Histórico Escolar do Ensino Médio ou declaração autenticada pela direção da escola onde concluíram o Ensino Médio. A autenticação pode ser feita por servidor da UFOB ou de outra Instituição Federal Pública, ou em cartório, à vista do original.

É preciso ainda levar declaração de que não possui vínculo com outra instituição pública de ensino superior e que não participa do PROUNI em universidade ou faculdade privada. No caso dos cotistas, é necessário também apresentar uma lista de documentos adicionais disponíveis aqui.

Os aprovados podem efetivar a matrícula em qualquer um dos câmpus da UFOB (ver endereço no quadro abaixo), independente de ser ou não o do local do curso escolhido.

Lista de espera

Os candidatos que não foram selecionados na primeira chamada e queiram ficar na lista de espera devem manifestar interesse no site do Sisu entre até o dia 6 de fevereiro. A convocação para o cadastro de reserva e ocupação das vagas não preenchidas começará a ser feita pela UFOB a partir de 13 de fevereiro. O semestre letivo inicia em 9 de março.

 


A máquina da imbecilidade

Globoderrete

Por Genaldo de Melo

Deveras que minha opinião é contrária, e contraria a opinião de muitos. Mas é da democracia você ter sua opinião, respeitar a dos outros mesmo não concordando. Muita gente pensa diferente de mim em relação aos programas que imbecilizam coordenados pela Rede Globo de Televisão. Parece que as únicas coisas boas daquela rede de televisão são algumas reportagens investigativas, e o futebol quando não é narrado por aquele senhor escandaloso que eles tem, que disse na Copa do Mundo de Futebol que Fred fazia gol até no chão, e que sempre inventa “fabulosos”, “fenômenos” e “imperadores”.

Na verdade essa televisão, que pela qualidade e competência que ninguém pode negar, na grande maioria dos seus programas em vez de contribuir com a formação cultural de nossa gente, contribui mesmo é com processo de imbecilização humana. São três aspectos de sua grade que não dá de forma alguma para aceitar como coerente e absolutamente cultural. Seu Jornalismo da Obediência, suas novelas vergonhosas que apresentam sempre o que de pior existe na natureza humana e o grande e mais estúpido de todos, o Programa Big Brother.

O jornalismo feito pela Rede Globo de Televisão que até 2002, com a eleição do ex-operário Luís Inácio Lula da Silva, apesar de ser contraditório e apresentar somente um lado dos fatos sob a batuta dos irmãos Marinho, piorou ainda mais. Começou a já naquela época um processo de partidarização na forma de apresentar os fatos sociais e políticos para os brasileiros. E pela sua capacidade e capilaridade financeira, com recursos inclusive do Estado, somente não venceu eleições com seus candidatos, porque parece que o imaginário popular hoje tem mais solidez e capacidade de enxergar os fatos além das caricaturas simbólicas e maquiagens orwellianas, feita pelos “engravatadinhos” dos telejornais diários. :: Leia mais e comente »

Vídeos
Recomende o Blog
Apoio
Arquivos
Image and video hosting by TinyPic